Nheengatu

.Um manuscrito antigo, de quase dois mil anos, acaba de ser encontrado em uma gruta, em Urucurituba (AM), pelo historiador Geraldo Sá Peixoto Pinheiro, chefe do Departamento de História da UFAM. Traz uma revelação sen-sa-cio-nal. Judas, em vez de se enforcar, fez coisa ...

Detalhes

.Ixê aikú iké akuntai arama penharã mayé uyukuawa kua yaneenga nheegatu. Asuí ambéu arama mayé yasasaua puxuera tiresewara yaxari putai ukanhemo kua yaneenheega. - Égua! Que diabo é isso? – pergunta o leitor assustado. Bom, vou logo avisando que estou apenas transmitind...

Detalhes

 Na região do Rio Negro, no Amazonas, as mulheres acordam bem cedinho e vão pra roça buscar mandioca pra fazer o beiju nosso de cada dia. No caminho, às vezes, encontram um boêmio que está voltando da farra, requebrando seu rabo comprido, peludo e enfeitado. É o quatipu...

Detalhes

  O Jacamim andava ciscando no terreiro e, com seu bico irrequieto, beliscava um inseto aqui, uma minhoca ali, uma sementinha acolá. Sua sogra, que assistia a cena, viu que tudo nele era desproporcional e deselegante. Pescoço pelado, curvo e compriiiiido. Cabecinha minú...

Detalhes

 No litoral brasileiro, uma parte expressiva da população falava tupi, tupinambá, além da língua portuguesa que chegou com os colonizadores e foi se impondo gradualmente; essas línguas conviveram em situação de bilingüismo até meados do séc. XVIII. Na Amazônia, até mead...

Detalhes

O rio fala, a floresta fala e os índios falam através das fotos que o conde italiano Ermanno Stradelli (1852-1926) fez na Amazônia, no século XIX. Essas vozes serão ouvidas em São Paulo, a partir desta quarta-feira, 10 de abril, quando depois da abertura da exposição or...

Detalhes

Tinha cara de bebê chorão. Morava na Ilha do Governador. Não lembro mais o nome dele. Agnaldo ou Agnando, uma coisa assim, mas era conhecido como Pindá. Como qualquer vendedor de drogas em porta de escola,percorria diariamente universidades para abastecer a clientela,cu...

Detalhes

Com todo respeito, que me desculpem os ouvidos pudibundos, mas "a piroca é nossa". É. É isso mesmo que vocês ouviram. Quem afirma não sou eu, mas o deputado Wanderley Dallas (PMDB-vixe), autor do projeto nº 341/2012, ora em tramitação na Assembleia Legislativa, que elev...

Detalhes