CRÔNICAS MAIS ACESSADAS

CRÔNICAS RECENTES

Bolsonaro vivo ou na canoa da morte?

“E conhecereis a mentira e a mentira vos aprisionará” (Taquiprati 12:07-20) Bolsonaro está se fingindo de morto? Ou de vivo? A pergunta ganha sentido em dois contextos: no teste positivo do capitão p...

Ailton Krenak: vai te queixar ao bispo!

No Brasil, os mortos pelo coronavirus já se aproximam dos 65.000, com mais de 1 milhão e meio de infectados. As consequências para as aldeias indígenas são ainda mais catastróficas em decorrência, ent...

Higino e a pedagogia Tuyuka: espancando a dor

Maldigo el fuego del horno / Porque mi alma está de luto / Maldigo los estatutos Del tiempo con sus bochornos / Cuánto será mi dolor”. (Violeta Parra, 1966). O que Violeta Parra tem a ver com o Po...

As duas mortes de Paulinho Payakã

“As pessoas pensam que um fato aconteceu só porque está impresso em grandes letras negras, confundem a verdade com a fonte 12. (Jorge Luís Borges, 1952) Nesta quarta-feira (17), Paulinho Payakã mo...

Miguel Baldez: ainda tocando pandeiro

Os Guarani e os Pataxó do Rio de Janeiro, os moradores de rua, os sem-terra, os trabalhadores rurais e urbanos, os humilhados, os injustiçados e todos aqueles que tem sede de justiça perderam um fiel ...

Paulo Tripa: não consigo respirar

(Diário do Amazonas) Paulo Borges de Lima nasceu no barraco de taipa e zinco da rua Bandeira Branca, n º 86, em Manaus, onde morou durante 82 anos. Conhecido como Paulo Tripa, foi ali que passou a inf...

140x140

21587387

ACESSOS AO SITE