CRÔNICAS

A burguesia de igarapé, a ética e a fila furada da vacina

Em: 24 de Janeiro de 2021 Visualizações: 6319
A burguesia de igarapé, a ética e a fila furada da vacina

“Se alguém pudesse escrever um livro sobre ética que fosse realmente um livro sobre

ética, este livro provocaria uma explosão e destruiria todos os outros livros do mundo".

(Ludwig Wittgenstein, Conferência sobre a Ética, 1929).

Na década de 1960, a nossa professora de filosofia no curso clássico do Colégio Estadual do Amazonas, Lindalva Mota, apelidada de “Por-conseguinte-então”, nunca nos falou do filósofo e linguista austríaco Ludwig Wittgenstein. Só muitos anos depois encontrei uma menção a ele numa entrevista do escritor argentino Júlio Cortázar que, impactado com a leitura da “Conferência sobre a Ética”, homenageou seu autor batizando um de seus gatos com o nome de Wittgeinstein. Esse “gato” pode agora nos ajudar a refletir sobre a burguesia de igarapé que furou a fila da vacina e ainda teve a desfaçatez de publicar fotos nas redes sociais para ostentar o “privilégio”.

Por burguesia de igarapé entendemos aqui a fração dominante da classe empresarial aliada a famílias de políticos profissionais que tomaram de assalto o Estado, privatizando-o com a troca de favores e a prática de vários “ismos”: clientelismo, compadrismo, nepotismo, afilhadismo. Dessa forma, em vez de gerir a coisa pública, o Estado atende interesses particulares em detrimento da maioria da população. Embora o conceito seja originário do Amazonas, ele se estende a outros estados do Brasil e até ao exterior, como podemos verificar nos fatos relacionados à aplicação da vacina contra o coronavirus.

Farinha pouca

Nenhum fato, por si só, é bom ou mau no sentido ético – diz Wittgenstein. Fatos são fatos e não Ética. Por isso, uma mera descrição dos fatos não pode ser considerada por si só uma proposição ética. “É o pensamento que faz com que um determinado fato seja considerado bom ou mal”.

E qual é o discurso que traduz o pensamento tanto dos furadores de fila como daqueles por eles prejudicados? A "igarapé bourgeoisie" orienta sua conduta pelo princípio “Let the devil take the hindmost”, aprendido em Miami, onde costumam passar suas férias, cuja versão em português equivale à “Farinha pouca, meu pirão primeiro”. Ou “Valha-me Deus, primeiro os meus, depois os teus”. O resto que se lasque.

Foi o que aconteceu nesta terça-feira (19) no primeiro dia da campanha de vacinação em Manaus, que vive uma tragédia com inexistência de leitos hospitalares, gente morrendo asfixiada por falta de oxigênio e profissionais da saúde exauridos, alguns deles morrendo, os sobreviventes enfrentando o risco de contrair o coronavirus. Eles, que atuam na linha de frente, foram passados para trás pela turma da “vacina pouca, minha imunização primeiro”, começando por duas irmãs gêmeas, de 24 anos, que acabam de se formar em medicina na universidade particular de propriedade de sua família.

A matriz do pensamento das duas espertinhas foi “America First” e “O Brasil acima de tudo”.  Elas, que se consideram “o Brasil”, ficaram tão orgulhosas com o fato e tão seguras da impunidade que, exultantes, comemoraram postando fotos nas redes sociais. Para evitar qualquer suspeita, o prefeito de Manaus nomeou as duas para cargos comissionados na Prefeitura, uma na véspera, a outra no dia do início da vacinação. Afinal, para que serve o poder?

As gêmeas não foram as únicas. David Dallas, filho do deputado Wanderley Dallas (Solidariedade vixe, vixe) também postou no Instagram imagens do momento em que era vacinado. Ele também foi nomeado para a Secretaria Municipal de Saúde. Nenhum dos três atuaram na linha de frente do combate contra a covid nos hospitais de referência para casos graves, onde a exposição ao vírus é maior.

Meu pirão primeiro

O prefeito David Almeida (Avante, vixe vixe) informou que teria recebido apenas metade da dose prevista, insuficiente para imunizar os 35 mil profissionais de saúde que atuam dentro das UTIs das redes pública e privada. No entanto, o “sumiço” de vacinas que ninguém diz onde foram parar” pode estar relacionado à lista de fura-filas, que “é muito maior do que imaginamos” - denunciou o suplente de vereador delegado João Tayah (PT).

Diante do escândalo que ganhou espaço na mídia nacional e até internacional, o prefeito assinou portaria, não para impedir que a fila seja furada, mas para proibir o registro e divulgação de imagens nas salas de vacinação. O Ministério Público do Amazonas abriu investigação para apurar a suspeita de desvio de vacinas.  O presidente do Tribunal de Contas do Amazonas (TCE-AM), conselheiro Mario de Mello, solicitou do Governo e da Prefeitura os critérios usados e a lista nominal das pessoas já imunizadas contra a Covid-19.

A lista vazou nessa sexta (22) com nomes de autoridades e empresários, que confundiram “grupo de risco” com “grupo de ricos”. A fina flor da transgressão está lá. Entre eles, o empresário Bento Martins, dono de empresa que fornece refeições e lanches ao HPS da Criança num contrato cujo valor mensal é R$ 164.640,00. Foi lá que ele e sua mulher Jane Soares Pereira, proprietária da JSP Serviço de Alimentação e Limpeza, receberam a vacina. No grupo de atendimento que identifica a função profissional (médico, enfermeiro, nutricionista, fisioterapeuta, etc), ele e 62 pessoas aparecem como “outros” e ela, como “cozinheira”.

Vários secretários do prefeito David Almeida estão entre os primeiros vacinados, entre eles a secretária municipal de Saúde, Shadia Fraxe e o secretário municipal de Limpeza Pública de Manaus, Sabá Reis (PR vixe vixe), candidato derrotado a deputado estadual nas últimas eleições, que de forma prepotente, agrediu verbalmente servidoras da Unidade Básica de Saúde (UBS) Leonor de Freitas, no bairro da Compensa, tumultuando a fila que lá se encontrava.

O sentido da vida

Já mais de 48 horas se passaram sem vacinação em Manaus, por conta da suspensão motivada pelas trapaças e falta de planejamento. Os boletins diários da Fundação de Vigilância em Saúde (FVS-AM) informam que é crescente o número de novos casos diagnosticados e de óbitos, entre eles a da sua diretora-presidente Rosemary Pinto, que morreu nesta sexta-feira. 

No entanto, a furação de fila não aconteceu apenas em Manaus. Em muitas cidades de oito Estados do Brasil, os prefeitos e suas digníssimas “conges” foram os primeiros, um deles justificou dizendo que era para encorajar aqueles que têm medo de virar jacaré. O outro vacinou a esposa, porque “é a mulher da minha vida”. É interessante observar que a burguesia de igarapé é justamente aquela apoiadora de Bolsonaro, que não usa máscaras, se aglomera em festas e debochou da vacina contra a “gripezinha”.  

As falcatruas são tantas e a impunidade é tamanha, que acabam sendo naturalizadas, o que requer uma vacina contra a sem-vergonhice. Na Espanha, ocorreram alguns casos, mas lá, é verdade, pelo menos em um deles o responsável já foi punido.

No entanto, temos contraexemplos que nos mostram o outro Brasil e nos ajudam a combater a desesperança. Muita gente solidária e generosa atuando em comunidades carentes. Em Rio das Flores (RJ), dona Hilda Cândida da Silva, de 108 anos – faz 109 no dia 2 de março - passa a maior parte do tempo sentada na varanda da casa onde mora. Ela abriu mão da vacina:

- “Estou quase partindo. Já vivi tanta coisa nessa vida, com quase 109 anos, que prefiro dar a vacina para alguém mais novo, que ainda pode viver mais do que eu” - afirmou.

Embora nem desconfie da existência do gato de Júlio Cortázar, a linda centenária compreendeu – para citar Wittgenstein – “o sentido da vida, a maneira correta de viver, aquilo que tem valor, que tem realmente importância, que torna a vida digna de ser vivida”. Com o seu gesto, ela provoca uma explosão capaz de destruir todos os livros do mundo.

P.S. - No meio da pandemia e das perdas de tantas pessoas queridas, uma alegria nesta sexta-feira, 22 de janeiro: a defesa de tese de doutorado de Andrea de Lima Ribeiro Sales: A escola para índios no Rio de Janeiro: o que dizem os anos de 1845 a 1875. Programa de Pós-Graduação em Educação, Contextos Contemporâneos e Demandas Populares da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ). Banca: Aloísio Jorge de Jesus Monteiro (orientador), Amparo Villa Cupolillo e Ramofly Bicalho dos Santos (UFRRJ), Luciana Pires Alves (UERJ) E José R. Bessa Freire (Uerj/Unirio).

 

Comente esta crônica



Serviço integrado ao Gravatar.com para exibir sua foto (avatar).

41 Comentário(s)

Avatar
Martha Hirsch Aulete comentou:
02/02/2021
Ética! E aqui em nosso Brasil vivemos conseqüência do nosso passado político recente (2 décadas). Fome, falta de moraria, atraso, escolas ruins, falta de hospitais: concreto... O resto são frasinhas: Nada fez em 13 anos para esse mal brasileiro horroroso. Apenas propagandas e propagandas e publicidade. Frasinhas. O PT© pratica lavagem cerebral. Vejamos: Trazendo a mente algo bem recente na política. Observe: Com a "Copa das Copas®" do PT® em vez de se construir hospitais, construiu-se prédios inúteis! A Copa das Copas®, do PT© e de lula©. Qual o poder constante da propaganda ininterrupta do PT®? Eis: Mas apenas um frio slogan, o LUGAR DE FALA do Petismo® (tal qual “Danoninho© Vale por Um Bifinho”/Ou: “Skol®: a Cerveja que desce Redondo”/Ainda: “Fiat® Touro: Brutalmente Lindo”). Apenas signos desubstancializados. Sem corporeidade. Aqui a superficialidade do PETISMO®: Apenas signos descorporificados. Sem substância. Não tem nada a ver com um projeto de Nação. Propaganda: Nem tudo que é legal é honesto: 0. “Pronatec©” 1. “Pátria Educadora™” [Buá; Buá; Buá]. 2. “Coração Valente©” (super fake) 3. “A Copa das Copas®” 4. “Fica Querida©” 5. “Impeachment Sem Crime é Golpe©” [lol lol lol] 6. “Foi Golpe®” 7. “Fora Temer©” 8. “Ocupa Tudo®” 9. “Lula Livre®” 10. “®eleição sem Lula™ é fraude” [kuá!, kuá!]. 11. “O Brasil Feliz de Novo®” (fake) 12. “Lula é Haddad Haddad é Lula®” [kkk] 13. “Ele não®”. 14. “Minha Casa, Minha Vida©” 15. “Saúde não tem preço®” 16. “Haddad® agora é verde-amarelo®” [rsrs]. 17. “Bolsa Família®” 18. “LUZ para todos™”(kkk). 19. (…e agora…): “Ninguém Solta a Mão de Ninguém©” 20. “Água para todos©” (é mesmo?) 21. “Mais Médicos®”, 22. PT® = “Controle social da mídia” [™] (hi! hi! hi!): desejo do petismo. 23. “Brasil Carinhoso©” [que momento açucarado]. 24. “bela, recatada e do lar®” PT é uma piada ridícula! 25. “Rede cegonha©” 26. “SKOL®: a Cerveja que desce RedondO”. PT© é vigarista e aderente ao charlatanismo. Vive de ótimos e CALCULADOS mitos propagandísticos. O PT© vive de lavagem-cerebral. O tal de: “me engana que eu compro”. PT® e PCdoB® são o Kitsch políticos. Bregas e barangos. Nivelam tudo por baixo. A arte, a cultura e a educação. Sobretudo a educação dos curumins e gurias de todo o Brasil.
Comentar em resposta a Martha Hirsch Aulete
Respostas:
Avatar
Nilo Cordeiro Sobrinho comentou:
04/02/2021
Oi Taquiprati, por que vc publica bobagens incongruentes como essa da sra. Martha Aulete, bolsominion de carteirinha?
Comentar em resposta a Nilo Cordeiro Sobrinho
Avatar
Susana Grillo comentou:
01/02/2021
Bessa, a burguesia do igarapé nos envergonha profundamente e nos desalenta pois se já não estão chegaram ao poder com essa exacerbação do individualismo sem a menor noção do bem coletivo, da maneira digna de se viver. Felizmente temos Dona Hilda Cândida da Silva para nos ensinar do alto dos seus 108 anos.
Comentar em resposta a Susana Grillo
Avatar
Rui Martins Direto da Redação comentou:
28/01/2021
Oi Bessa, cuidado, o bicho está solto! Coloquei no Direto da Redação do Correio do Brasil. Abraços. Veja também o Observatório da Imprensa. https://www.correiodobrasil.com.br/a-arte-de-furar-a-fila-da-vacina/ http://www.observatoriodaimprensa.com.br/politica-cultural/o-acordo-do-pt-com-o-diabo/
Comentar em resposta a Rui Martins Direto da Redação
Avatar
Cristina Paraguassu comentou:
28/01/2021
Todos os epidemiologista dizem que Manaus deveria ter a população vacinada logo, por causa da nova cepa. Os governadores concordaram que fossem enviadas mais doses de vavina para lá. Aí, por causa de uns fura-filas, a justiça suspende toda vacinação lá... É estratégia de extermínio mesmo, só pode...
Comentar em resposta a Cristina Paraguassu
Avatar
Zeca Torres Torrinho comentou:
28/01/2021
Babá, como sempre, matando a pau!
Comentar em resposta a Zeca Torres Torrinho
Avatar
Antonio Batista Da Silva comentou:
28/01/2021
Desde a chegada de algumas dúzias de espertalhões em terra ricas e férteis de Pau-Brasil e de Minas Gerais, jamais se conseguiu mudar a História dessa Nação.
Comentar em resposta a Antonio Batista Da Silva
Avatar
José Jurandir da Costa comentou:
27/01/2021
Este me representa. Obrigado pelo texto caboclo/txai.
Comentar em resposta a José Jurandir da Costa
Avatar
Vanessa Cristina Leite comentou:
26/01/2021
Avatar
Vanessa Cristina Leite comentou:
26/01/2021
A fina flor da transgressão, Wittgenstein clínico e se farinha pouca o pirão de quem.
Comentar em resposta a Vanessa Cristina Leite
Avatar
Thereza Dantas comentou:
26/01/2021
Prof. Bessa, o sr acha que a burguesia brasileira tem cura?
Comentar em resposta a Thereza Dantas
Avatar
Arlete Schubert comentou:
26/01/2021
Já lendo aqui...se não fosse tão indigno e vexatório o comportamento das pessoas nesse pobre país . Excelente texto-denuncia prof. José Bessa .
Comentar em resposta a Arlete Schubert
Avatar
Kivia Mirrana de Souza Pereira comentou:
26/01/2021
Parabéns pela importante crítica a esse grupo mesquinho, mas principalmente pela manutenção da sensibilidade do sentido da vida ao valorizar as ações de quem realmente é nobre!
Comentar em resposta a Kivia Mirrana de Souza Pereira
Avatar
José Seráfico comentou:
25/01/2021
Eis como tento antecipar o que a vacinação em massa contra a covid-19 provocará no Brasil. 1. Qualquer reação orgânica à vacina (dor de cabeça, febrícula, eventual diarreia etc.) levará o Presidente da República a festejar a ocorrência; 2. Os ricos farão surgir o mercado negro da vacina, para logo serem imunizados; 3. Servidores públicos com alguma forma de acesso aos órgãos de saúde e invejosos de seus superiores, acharão jeito de, pagos pelos interessados, vender vacinas aos mencionados no item anterior; 4. Representantes das elites atuem em que setor atuarem, buscarão furar a fila de prioridades, para assegurar a imunização de seus parentes, cúmplices, amigos e cupinchas; 5. Notícias relativas a fatos verídicos tratarão do desvio de montanhas de dinheiro público na aquisição de vacinas, seringas etc. 6. Aparência indignada, mesmo os apontados nos itens anteriores exigirão investigação rigorosa dos crimes cometidos e ...tudo ficará como sempre foi. Até que nova pandemia lhes proporcione a oportunidade de continuar explorando o suor e a boa fé dos que ainda a têm. E vamos todo em frente, que em 2022 haverá outra eleição!
Comentar em resposta a José Seráfico
Avatar
Valter Xeu comentou:
25/01/2021
Publicado no blog Patria Latina http://patrialatina.com.br/a-burguesia-de-igarape-a-etica-e-a-fila-furada-da-vacina/
Comentar em resposta a Valter Xeu
Avatar
Racismo Ambiental Combate comentou:
25/01/2021
Publicado no Blog COMBATE RACISMO AMBIENTAL https://racismoambiental.net.br/2021/01/24/a-burguesia-de-igarape-a-etica-e-a-fila-furada-da-vacina-por-jose-ribamar-bessa-freire/
Comentar em resposta a Racismo Ambiental Combate
Avatar
Taquiprati comentou:
25/01/2021
Fonte: D24am. Motorista do governador Wilson Lima tem prioridade na lista da SES-AM Gerberson Oliveira Lima, 37, lotado na Casa Civil do Governo do Estado Amazonas, está na lista de imunizados contra a Covid-19. O funcionário exerce cargo comissionado de assessor técnico, desde o dia 03 de janeiro de 2019. A lista de funcionários prioritários para receber a vacina é produzida pelo Governo do Estado do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Saúde (SES). O motorista foi imunizado na última quarta-feira (20), na Clínica da Família Senador Severiano Nunes, localizada na Avenida Margarita, bairro Cidade Nova, zona norte de Manaus. Na lista, com detalhes dos dados de imunizados, o funcionário do governo é descrito como “Trabalhador de Saúde”. Em consulta ao Sistema Integrado de Segurança Pública (Sisp), é possível encontrar Boletins de Ocorrência em nome de Gerberson, referente a crimes como desacato, acidente de trânsito e dirigindo alcoolizado. Para tirar o loló da seringa, o governo dizque exonerou o motorista, como se ele, motorista, fosse capaz de sozinho se colocar na lista
Comentar em resposta a Taquiprati
Avatar
Gregory Prang comentou:
25/01/2021
Desgraçados!!! FDP elites de Manaus acham que podem fazer qq coisa. Impeachment para o prefeito, dá segunda injeção (para não estragar essas vacinas preciosas) e multa para caralho! mandam esses socialites de merda fazer serviço público no 28 para 2 anos cada um!!!
Comentar em resposta a Gregory Prang
Avatar
Rodrigo Martins comentou:
24/01/2021
Boa noite professor Bessa, tudo bem? Professor,estou com nojo dessas gêmeas que furaram a fila. Pessoas morrendo e sem oxigênio e o "jeitinho brasileiro" se fazendo presente até nesses momentos. A impressão que nos passa é que não há empatia, amor e respeito com as milhares de pessoas que estão morrendo sem ter qualquer chance, muito pela corrupção (que desvia milhões que deveria ter ido para a saúde) , como tb por discursos políticos tentando criar um discurso que de que a vacina não é confiável,mas o mais curioso é que quem faz o discurso, faz de tudo para tomar a vacina. Muito triste tudo isso. Um abraço querido professor
Comentar em resposta a Rodrigo Martins
Avatar
Leda Fraguito comentou:
24/01/2021
Muito bom esse texto. E que interessante: burguesia de igarapé. E grupo de risco X grupo de ricos... Triste
Comentar em resposta a Leda Fraguito
Avatar
Naide Alves comentou:
24/01/2021
Avatar
Joelma Vitorino comentou:
24/01/2021
E ficam repetindo que a vacina não presta...e por baixo dos panos mostram o bracinho...nojo!
Comentar em resposta a Joelma Vitorino
Avatar
Emiele Maia comentou:
24/01/2021
Falta de respeito. Um crime.
Comentar em resposta a Emiele Maia
Avatar
Mônica Schmidt Velloso comentou:
24/01/2021
Gentalha! Realmente não tem noção dos seus devidos lugares. Tiram até self furando a fila! Ou é o cúmulo da burrice ou o cúmulo da impunidade. No caso desta canalhada: são as duas coisas juntas.
Comentar em resposta a Mônica Schmidt Velloso
Avatar
Maria Sol comentou:
24/01/2021
A burguesia fede mais que a covid19!
Comentar em resposta a Maria Sol
Avatar
Rosane Romao Guarani Kaiowa comentou:
24/01/2021
Avatar
Maria Madalena Scarpinati comentou:
24/01/2021
Avatar
Francisco Carlos comentou:
23/01/2021
Avatar
Serafim Correa comentou:
23/01/2021
Publicado no Blog do Sarafa https://www.blogdosarafa.com.br/a-burguesia-de-igarape-a-etica-e-a-fila-furada-da-vacina/
Comentar em resposta a Serafim Correa
Avatar
Fabico comentou:
23/01/2021
O único "senão" é que, até agora, ninguém sabe se a tal lista procede ou não. O TCE disse não reconhecer como oficial, mas também não desmentiu nenhum nome. Complicado. Onde há fumaça, há fogo. Temos, com certeza, muitas pessoas do "grupo de ricos" furando fila, mas só Deus sabe quando a lista real vai aparecer. Mas a pressão tá enorme. Tô gostando de ver!
Comentar em resposta a Fabico
Avatar
Andreas Valentin comentou:
23/01/2021
Avatar
Maria do Carmo comentou:
23/01/2021
Cidadãos atentos a uma burguesia sem ética, sem respeito, defendendo somente o seu "pirão". Avante! Parabéns pela agilidade na crítica.
Comentar em resposta a Maria do Carmo
Avatar
aurelio michiles comentou:
23/01/2021
A "Burguesia do igarapé", ela é tão irresponsavelmente perdulária que até extinguiram os igarapés que cortavam a cidade de Manaus, Essa burguesia extrativista suga tudo até não sobrar nada de nadinha, nem mesmo qualquer resquício ético.
Comentar em resposta a aurelio michiles
Avatar
Isabela Frade comentou:
23/01/2021
Excelente, Bessa!!! Que texto maravilhoso, elucidativo (eu aqui imaginando o por que e como e quem exatamente agora entendi os detalhes espúrios) e, para nos salvar da dor, o texto ainda fechando com tanta energia. aiaiai, que horror tudo isso e que lindeza tanta coisa também. espero que você esteja bem, com afeto, Isabela
Comentar em resposta a Isabela Frade
Avatar
Ana Silva comentou:
23/01/2021
Linda dona Hilda. Excelente crônica, Bessa.
Comentar em resposta a Ana Silva
Avatar
Bolivar Carvalho (via FB) comentou:
23/01/2021
Eu, já com a idade bem avançada, ainda não me acostumei com esse tipo "Lei do Gerson". Pessoas de saúde perfeita e ainda jovens, deveriam se espelhar nessa senhora de Rio das Flores. "Eu abro mão da minha vacina para favorecer os mais jovens". É emocionante!
Comentar em resposta a Bolivar Carvalho (via FB)
Avatar
Robson Rogério Teles Bezerra comentou:
23/01/2021
Professor Ribamar, o que seria de nós sem o Taquiprati, estaríamos na letra f. Mas uma vez perfeito, porém seria cômico se não fosse trágico. Manaus tá um.caos, sem.uma solução racional ou humana. Confiar em quem? Todos negacionistas, defensores intransigentes do "tratamento precoce", que segundo o Professor Edson Andrade da UFAM, não serve pra porra nenhuma. Hipócritas, apoiam o. "Mito" e suas idéias genocidas, mas furaram a fila, como sempre.
Comentar em resposta a Robson Rogério Teles Bezerra
Respostas:
Avatar
Robson Rogério Teles Bezerra comentou:
24/01/2021
"Mais (advérbio de intensidade e não conjunção adversativa), erro de digitação. Teclado muito ruim
Comentar em resposta a Robson Rogério Teles Bezerra
Avatar
Marco Antonio Gonçalves comentou:
23/01/2021
Muito bom!! E o conceito poderoso 'burguesia de igarapé' é absolutamente genial! Obrigado Bessa!
Comentar em resposta a Marco Antonio Gonçalves
Avatar
Dile Jara comentou:
23/01/2021
A crônica me conforta por me dar voz na minha indignação
Comentar em resposta a Dile Jara
Avatar
Celeste Correa comentou:
23/01/2021
Baba, todos estamos cansados emocionalmente e ansiosos pela vacina que não sabemos quando chegará para o grupo que pertencemos. Mas eu estou muito esperançosa esperando a minha vez de ser imunizada contra esse vírus. Triste dessa turma do "fura fila" que conseguiu se vacinar beneficiada pelas falcatruas do poder público, mas já está totalmente contaminada pelo vírus da corrupção e da bandidagem. Esse"vírus" já fez estragos irreparáveis. Mano, neste dia em que Manaus e a comunidade científica choram a morte da Professora Rosemary, o teu texto da Allende me fez repensar a questão da morte e, mesmo emocionada eu a ressignifiquei. A Rosemary está muito viva através do seu lindo trabalho, dos seus alunos, amigos, familiares e todo a sua linda história. Agora, os " fura-filas" estes são os cadáveres apodrecidos.
Comentar em resposta a Celeste Correa