´liberdade de expressão;

Ao Meritíssimo Juiz da 4ª Vara Cível de Belém do Pará Raimundo das Chagas Filho Começo nossa conversa com uma fórmula epistolar, parafraseando ‘A Carta’ de Waldick Soriano: Saudações, Juiz Raimundo das Chagas Filho! Que a lei esteja convosco! Escrevo essa carta, mas não...

Detalhes

. Vinte antas de paletó e gravata, calçadas com sapatos bem engraxados, atuam na Câmara Municipal de Manaus. Elas serão processadas por profanação de túmulos, porque nessa semana, por puro preconceito, remexeram os ossos do doutor Geraldo Pinheiro e, por extensão, os os...

Detalhes

.- ´Cala-boca´ já morreu, quem manda na minha boca sou eu!. Era assim, com essa resposta atrevida, quase insolente, que qualquer amazonense defendia sua liberdade de expressão e de opinião. Há cinqüenta anos, essa locução popular marcava o jeitão de falar regional e era...

Detalhes

.Nas últimas quatro semanas, leitores escreveram perguntando por que esta coluna não vem sendo publicada pelo jornal A CRITICA. Confesso que não sei. Esperei explicações que até hoje não me foram dadas. Há cinco dias enviei carta à vice-presidente do jornal, Cristina Ca...

Detalhes

."O cronista, o leitor e a coluna". Esse poderia ser o título da crônica de hoje. Fica, no entanto, o que você leu primeiro, aí em cima, referente a uma história meio ingênua e bastante conhecida, contada pela irmã Paula, professora do segundo ano primário no Colégio de...

Detalhes

.O governador Amazonino Mendes, em entrevista ao “Amazonas em Tempo”, na semana passada, falou sobre o atentado e as ameaças que sofri. Reproduzo aqui, entre aspas, suas quatro frases, emprenhadas de significado. Submeto-as à inteligência do leitor, junto com minha apre...

Detalhes

.Atos terroristas deixam sequelas indeléveis, quase invisíveis, não apenas na vítima direta, mas no seu círculo familiar mais próximo. Como recuperar o sono perdido, recolher a lágrima chorada, regularizar o metabolismo e recompor o estado emocional daqueles seres amado...

Detalhes

.Rio de Janeiro, 4 de fevereiro de 1997 De: José Ribamar Bessa Freire Para: Paulo Girardi, Diretor-Presidente do Jornal do Norte Com cópias para a presidente da Rede Calderaro de Comunicação, Rita Araújo Calderaro, para a diretora responsável do Amazonas em Tempo, Herme...

Detalhes

."Xerxes e Zulmira leem juntos". Esta frase ocupava a última página dos antigos cadernos de caligrafia e era copiada exaustivamente pelos alunos, às vezes como castigo, com o objetivo de treiná-los a escrever, no caso, as letras "x" e "z". No canto superior da página, a...

Detalhes

  Supunhetamos, leitor (a), que você é jornalista e recebe pelo Correio um dossiê com comprovantes indicando que o ex-governador Paulo Maluf (ou o prefeito de uma capital do norte do país) roubou 50 milhões de dólares e depositou tudo num paraíso fiscal. Os documentos ...

Detalhes

Veja tudo sobre a entrevista do ministro do Esporte do Brasil, Aldo Rebelo. Ele falou porque agrediu a ex-ministra Marina Silva. A entrevista foi à meia-noite numa charneca da Inglaterra, seguindo orientações de Nelson Rodrigues, para quem a entrevista imaginária "é a ú...

Detalhes

Por respeito à liberdade de opinião, cedo este espaço ao assessor de imprensa da Arquidiocese do Rio, Adionel Carlos da Cunha, ex-coroinha do Colégio São Bento. Ele não gostou da comparação feita aqui, domingo passado, entre dois bispos e contestou matéria que aborda um...

Detalhes

Está cientificamente comprovado: o excesso de adjetivos mata. Quem morreu assim,em 1905,soterrado por uma avalanche de adjetivos, foi o português Joaquim Rocha dos Santos, um lisboeta que migrou para o Brasil aos 11 anos de idade e fez carreira em Manaus como delegado d...

Detalhes

Nem um mosquito ensebado conseguiria se infiltrar nas matérias sobre os índios guarani publicadas nesta semana no Diário Catarinense (DC). A expressão é usada, pelo menos no Amazonas, para designar algo fechado, impenetrável, difícil de entrar, seja a bola no gol, uma i...

Detalhes

Dizem que domingo passado o Diabo saiu do inferno e foi dar uma voltinha na Vila da Penha,no Rio.Escondeu o rabo, vestindo o terno do deputado Eduardo Cunha.Ocultou o chifre, botando a peruca do pastor Silas Malafaia. A cueca usada era do deputado Marco Feliciano, pasto...

Detalhes

Já te contei, leitor (a), que meu irmão é artista plástico? Não? Então conto agora. O Tuta tinha 9 anos, em 1958, quando participou do concurso infantil “Desenhe seu bairro” promovido pelo Colégio Aparecida, em Manaus. As melhores obras seriam expostas no salão do Clube...

Detalhes